Início » Skincare » Micose de unha no inverno: 5 dicas para ter pés saudáveis no frio

Micose de unha no inverno: 5 dicas para ter pés saudáveis no frio

Cuidado! Micose de unha no inverno é mais comum! Descubra aqui dicas para evitar o problema ou como tratar se acontecer com você!

No inverno, a micose de unha, também conhecida como onicomicose, pode se tornar um problema comum devido ao uso mais frequente de calçados fechados.

O ambiente se torna quente e úmido, neste caso, o que facilita a proliferação desses microrganismos e deixa a unha com um aspecto mais amarelado ou grosso.

A boa notícia é que existem boas dicas para manter os pés mais saudáveis e o Belleza Moderna explora quais são elas a seguir.

Cinco dicas para evitar ou tratar micose de unha no inverno

Micose de unha no inverno
Micose de unha no inverno (Canva)

A micose de unha é a infecção causada por fungos que se alimentam de queratina, uma proteína presente nas unhas, segundo a doutora em Ciências Farmacêuticas, Greice Moraes. Isso causa unhas deformadas, amareladas e mais grossas.  Porém existem dicas para tratar e prevenir o problema e vamos explorar algumas a seguir:

1. Secar bem os pés

Moraes enfatiza a importância de secar bem os pés, especialmente entre os dedos neste época do ano. A umidade, combinada com o calor dos calçados fechados, cria um ambiente ideal para o crescimento de fungos.

Assim, vale garantir que os pés estejam completamente secos antes de colocar as meias e os sapatos.

2. Evitar andar descalço em locais úmidos

Evitar andar descalço (Pinterest)
Evitar andar descalço (Pinterest)

Outra recomendação da especialista é evitar andar descalço em locais públicos e úmidos, como piscinas, vestiários e saunas. Essas áreas são propensas à presença de fungos e podem maximizar o risco de infecção.

Recomendo vocês a não andarem descalços em locais mais úmidos, por exemplo, piscinas. Ou também quando for tomar banho e que for inverno, onde a gente acaba secando rápido e colocando meia, secar bem entre os dedos nos pés, porque se fica úmido e depois fica quentinho e escuro, pronto! É um ambiente bem propício para ter o aparecimento de fungos” comenta Moraes.

3. Manter a higiene dos calçados e meias

As temperaturas mais amenas, por outro lado, também atrasam a limpeza adequada de calçados e meias no inverno. Isso porque a demora em secá-los faz com que muitas pessoas atrasem a limpeza com frequência.

Porém,  Moraes pontua que ambos devem ser higienizados regularmente. Ela sugere usar meias de algodão, que permitem que os pés respirem. Além disso, recomenda alternar o uso de calçados para permitir que eles arejem completamente durante o inverno.

4. Usar tratamentos caseiros comprovados

Ingredientes naturais para micose nas unhas no inverno
Ingredientes naturais para micose nas unhas no inverno

Para quem não pode utilizar medicamentos antifúngicos prescritos, Moraes sugere alguns tratamentos caseiros com eficácia comprovada.São eles:

  • Vinagre de Maçã: Misture meio copo de vinagre de maçã com meio copo de água e deixe os pés de molho por 15 a 20 minutos. O vinagre ajuda a alterar o pH da pele, tornando-a menos favorável ao crescimento dos fungos.
  • Óleo de Coco: Após secar os pés, aplique óleo de coco, que possui propriedades antifúngicas e antibacterianas.
  • Óleo Essencial de Melaleuca: Este óleo essencial é conhecido por suas propriedades antifúngicas. Misture algumas gotas com um óleo carreador, como óleo de amêndoas ou de semente de uva, e aplique na unha infectada. Fazer a mistura dos óleos é essencial para evitar queimaduras, já que o óleo essencial é bastante potente, segundo a especialista.
  • Óleo Essencial de Cravo: Rico em eugenol, um potente antifúngico, este óleo pode ser usado similarmente ao de melaleuca, diluído em óleo carreador.

Moraes comenta ainda que os fungos são extremamente resistentes e mesmo com medicamentos prescritos pode demorar para que o problema seja resolvido e isso não é diferente com os caseiros, por isso é necessário ter paciência e não desistir. O ideal, segundo ela é manter o tratamento por no mínino 4 semanas.

5. Consulta médica para tratar a micose de unha no inverno

Por fim, a especialista recomenda sempre buscar orientação médica, especialmente se a micose de unha no inverno não mostrar sinais de melhora. Segundo ela, médicos podem prescrever tratamentos mais fortes e adequados à gravidade da infecção.

Procurar o auxílio de um médico para ele avaliar certinho como que está o fungo, como que está essa situação de vocês, como que está a gravidade dessa infecção” finaliza Moraes.

Quer aprender mais cuidados com o corpo?  Então leia também: Mitos e Verdades sobre os cuidados com o cabelo no Inverno: Veja quais são

O que você achou disso?

Clique nas estrelas

Média da classificação 1.5 / 5. Número de votos: 2

Nenhum voto até agora! Seja o primeiro a avaliar este post.

    Jornalista, pós-graduanda em Marketing Digital e apaixonada pelo SEO. Explorando o mundo da moda e da beleza há mais de um ano para encontrar os melhores produtos e dicas que promovam o bem-estar das pessoas.

    Deixe seu comentário